terça-feira, março 11, 2014

Pequenas coisas




Aquecer seu lado da cama,
Velar seu sono tranquilo
Te levar comida na cama.
Tratar suas feridas.

Esperar você chegar,
Aproveitar o pouco tempo
Como se fosse suficiente,
Porque no final é.

Pequenas coisas que fazem
Um sentimento verdadeiro.
Trivialidades mais importantes
Que as coisas importantes.

Balançar o berço,
Acordar a noite
Sem nem reclamar.
Reclamar um pouco.

Sentir tua respiração
Pra ver se está tudo bem,
Me preocupar
Sem nem precisar.

Sentir alegria da sua alegria,
Correr rumo ao mar,
Alcançar a praia
Pra te ver molhando os pés.

Sentar ao seu lado,
Molhar meus pés também
E animadamente
Rir da vida.

___________________________________________

Escrevi este texto ano passado, para Daniela, junto com vários outros no mesmo período. Acabaram esquecidos na minha caderneta de anotações, recuperei-os hoje. Espero que gostem.


2 comentários:

Maximiro disse...

Como poeta, já está pronto...como professor, claro, um Nerd, como humorista, engraçado, nos diverte muito com as várias postagens, além de serem sempre artigos interativos, e finalmente como sobrinho, és simplesmente um presente divino.

Arthur Malaspina disse...

Obrigado tio, fico extremamente feliz que tenha lido e gostado!